Filosofia Clínica

Filosofia Clínica

Um atendimento com a Filosofia Clínica é como se sentar à frente das grandes mentes da história da humanidade, homens e mulheres luminosos que desde os tempos antigos se debruçaram sobre as grandes questões da vida.

Trata-se de uma técnica que emprega as diversas correntes filosóficas

mundiais - a atemporais - e seus pontos de apoio, seus argumentos, princípios e valores para nos auxiliar na tomada de decisão frente aos inúmeros dilemas morais que se apresentam em nossas jornadas humanas: eles tratam das relações interpessoais, entre pais e filhos, irmãos, marido e mulher, colegas de trabalho, chefes e subordinados e relações diversas que vão se ajustando com o tempo.

Os impasses sobre trocamos ou não de emprego, se nos mudamos ou não para outro país ou como nos posicionamos em relação à qualquer questão social podem ganhar um adversário intelectual de peso com a Filosofia Clínica: ela vai nos apresentar pensamentos diversos, de reflexões às vezes antagônicas, para trazermos clareza ao nosso raciocínio, que podem ajudar - muitas das vezes até resolver - a questão que temos em mente. Neste mundo tão conturbado e tão obscuro, a Filosofia Clínica pode ser a luz no fim do túnel.

Instituto Cultural Potala