Vivência

Liberação dos Antepassados

Ho'oponopono

Culturas antigas, tradicionais e sábias têm o hábito de cultuar e honrar seus antepassados. Infelizmente, em nossa sociedade, isso é raro. Porém estamos aprendendo aos poucos a conferir importância a nossos ancestrais.

Se reconhecermos que nossos pais, avôs, bisavôs, tataravôs trabalharam arduamente para que nós hoje pudéssemos desfrutar a vida, já estaremos permitindo que o sentimento de gratidão nasça em nosso coração. Mas, às vezes, isso apenas não basta. Por esse motivo, existe este curso Liberação dos Ancestrais.

Nele, iremos ver como alguns problemas que temos e parecem, às vezes, sem solução podem decorrer da influência de nossos antepassados. Por diversas razões, nossos familiares já falecidos podem estar tendo problemas em outros planos e isso pode também estar afetando nossa saúde, nossos negócios e finanças, nossos relacionamentos etc.

Há muito passado do qual não temos consciência, pois somos influenciados por sete gerações anteriores a nós. Este curso é para entendermos as relações que há entre nós e nossos ancestrais e como a passagem deles para os outros planos pode não ter se dado de modo adequado. Neste caso, dizemos que nossos ancestrais ficaram “presos” em algum plano. Daí decorre o nome deste processo: Liberação dos ancestrais.

Como veremos, há diversos planos inferiores e superiores. Através de ensinamentos, contemplações e uma cerimônia indiana com a intenção de Liberar nossos Ancestrais nos mundos invisíveis, pediremos que o Divino/Luz cuide de cada um dos nossos antepassados e que os conduza para planos cada vez mais elevados.

É nossa responsabilidade liberá-los e honrá-los. Através de nossas orações, estaremos pedindo que o Divino ampare e auxilie nossos familiares queridos a seguir o caminho da luz, progredindo cada vez mais. Assim, eles se sentirão mais felizes.

Quando estão felizes, nossos ancestrais abençoam ainda mais nossa jornada e existência e, como consequência, nós encontramos também felicidade e crescimento, pois há a resolução daqueles problemas que eventualmente tínhamos em decorrência de nossos antepassados terem estado presos em certos planos.

Faz parte do curso ainda a orientação de como devemos proceder para ajudar nossos entes queridos ou amigos que estejam passando pelo processo de desencarne, para que todos possam progredir sempre em direção aos planos mais elevados e à Luz Divina.

 

Orientações:

Os participantes devem levar fotos de seus ancestrais falecidos ou pelo menos o nome deles. Fotos e nomes serão colocados no altar para receberem as bênçãos durante todo o processo (caso a pessoa não saiba o nome de algum ancestral, não há problema).

Pede-se ainda que, se possível, o participante tome um banho antes de ir para o curso. Isso é importante para a cerimônia indiana que realizaremos. Estarmos limpos e bem cuidados é uma forma de respeito em relação à divindade e a nossos ancestrais.